SSTU

Tudo sobre economia, finanças, negócios e investimentos

12/06/2014 08h43

Copa do Mundo afeta vendas do Dia dos Namorados

A quantidade de shoppings que promoveram campanhas diminuiu 28%

notícias relacionadas

Um estudo realizado pelo GS Group, empresa de inteligência de negócios, mostra que a simultaneidade com a Copa do Mundo afetou as estratégias dos shopping centers para o Dia dos Namorados. A quantidade de shoppings que promoveram campanhas diminuiu 28% e o tíquete médio exigido para participar das promoções caiu de R$ 360 no Natal passado para R$ 220. Foram pesquisadas cerca de 20 mil lojas em 93 shoppings.

Apenas 10% dos shopping centers utilizaram a Copa em suas campanhas do Dia dos Namorados. "Os shoppings não exploraram de forma efetiva o evento esportivo devido às definições de utilização das marcas outorgadas pela FIFA", conta o diretor de inteligência do GS Group, Fernando Gibotti. Ele acredita que, na incerteza de qual promoção priorizar, muitos lojistas acabaram optando por não realizar nenhuma das duas. "E deixar de promover campanhas para os namorados nos shoppings não faz muito sentido porque há o incentivo natural da compra de presentes. O mix dessas lojas não muda tanto em função da Copa", argumenta.

Gibotti cita como exemplo a varejista de luxo Le Lis Blanc, que não precisa modificar suas campanhas por causa da Copa do Mundo. "Diferente de um supermercado, que tem alavancado o consumo de itens como cerveja, refrigerante e carne. Nesses casos, vincular o consumo ao evento é uma boa estratégia", explica. Outra mudança apontada pelo diretor foi o tipo das campanhas realizadas. "Os shoppings perceberam que as pessoas têm dado menos valor aos objetos [carro ou moto] e mais às experiências. Melhor que dar coisas é proporcionar momentos", diz. Prova disso é que 56% dos shoppings optaram por promover atividades culturais para motivar e fidelizar o cliente.

Mesmo com a pouca incidência de campanhas casadas entre as duas datas, 30% dos prêmios de shoppings foram ingressos para os jogos. O prêmio mais utilizado em 2013 foi o "Jantar Romântico", que teve uma diminuição de 12% neste ano. Já a Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce) disse trabalhar com uma expectativa de 9% de aumento nas vendas em relação ao ano passado. Segundo a entidade, as lojas que devem receber maior número de clientes em busca de presentes são as de eletroeletrônicos, perfumaria e vestuário.

Outra pesquisa, esta da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado de São Paulo, aponta consumidores cautelosos no Dia dos Namorados. Para este ano, é esperado um aumento de 3,5% nas vendas em relação a 2013, índice semelhante ao do mesmo período do ano passado. O tíquete médio de compra no Estado de São Paulo deve ficar em torno de R$ 135. "Há uma desaceleração da atividade econômica em geral. Com a alta dos juros e da inflação, além do crédito desacelerado, os consumidores pretendem economizar", afirmou o presidente do órgão, Mauricio Stainoff. A Confederação Nacional do Comércio (CNDL) também está pessimista: para a entidade o crescimento das vendas para o Dia dos Namorados será de 1% em relação ao mesmo período de 2013. Se isso se concretizar, será o pior resultado dos últimos 5 anos.

Ação publicitária

Por conta da estreia do Brasil na Copa, a Brahma lançou em todo o País uma campanha para antecipar a comemoração do Dia dos Namorados para hoje (11). Várias marcas do varejo brasileiro aderiram, como Walmart, Somlivre, Imaginarium, Convex, Marisa, Associação Brasileira de Motéis, Flores online, Net, Abril, Madero, Applebee's, Arezzo, O Boticário, Durex, Centauro, Cacau Show e Hotel Urbano. Os slogans para a ação vão desde "dia 11 tem mais espaço na timeline para minha declaração de amor" até "já vai ter muita gente fazendo falta no dia 12". Celebridades como Sabrina Sato, Rodrigo Hilbert e Thiago Silva também participaram.

 

Fonte: Portal no Varejo


0 Comentário

Avenida Natal, 6600 - Rodovia Br 101 - Taborda | São José de Mipibú/RN CEP | 59.162-000 | Caixa Postal: 50
2010 ® Portal Mercado Aberto. Todos os direitos reservados.
ponto criativo