Sesi RN - Escola

Tudo sobre economia, finanças, negócios e investimentos

06/10/2015 09h40 - Atualizado em 06/10/2015 09h44

Feira gera cerca de R$ 150 mil em negócios comercializados

Evento reuniu mais de 20 mil pessoas na Arena das Dunas entre os dias 1 e 4 de outubro e propiciou novos negócios aos empreendedores potiguares.

notícias relacionadas

A Feira do Pequeno Negócio terminou neste domingo (4) com um resultado surpreendente no valor comercializado. Ao todo, foi gerado quase R$ 150 mil entre os 95 expositores potiguares que comercializaram os produtos e serviços de diversos segmentos atendidos pelo Sebrae no Rio Grande do Norte. O evento fez parte das ações do Movimento Compre do Pequeno Negócio, com o intuito de mostrar a força dos pequenos negócios para a economial local. A Feira teve início na última quinta-feira (1), na Arena das Dunas, em Natal.

Durante os quatro dias de evento, mais de 20 mil pessoas visitaram o espaço para conferir as oportunidades de negócios nas áreas de moda, literatura, infantil, produtos do agronegócio, artesanato, beleza e food truck.

De acordo com o diretor Técnico do Sebrae-RN, João Hélio Cavalcanti, o evento superou as expectativas e possibilitou que as micro e pequenas empresas fizessem novos negócios ampliando o networking. “A feira cumpriu seu papel que era valorizar os pequenos negócios e deu visibilidade aos empresários para aumentar a rede de contatos”, diz.

Parte dos 95 expositores participou de uma feira pela primeira vez, como é o caso da Microempreendedora individual (MEI) Lidiane Andrade. A empresária mantém há quatro anos a Ravenna, uma empresa de acessórios finos que vem ganhando destaque na capital pelo formato e design das peças que são inovadoras e bem alinhadas. Ela dedica sete horas por dia na montagem dos itens, que variam de R$ 15 a R$ 100.

As vendas das bijuterias finas são realizadas em salões de beleza, lojas de roupas femininas, além de pronta entrega. Com a exposição dos acessórios na feira, Lidiane Andrade conseguiu faturar cerca de R$ 5 mil e fazer novos contatos com possíveis clientes. A maioria das vendas foram em cima dos brincos folheados, carro-chefe da empreendedora e os mais queridos por parte das clientes. “As vendas foram maravilhosas. Vi no rosto dos clientes que eles estavam satisfeitos”, comenta.

Assim como Lidiane Andrade, quem também aproveitou a feira para atrair novos negócios pela primeira vez em um evento foi a empresária Dayse Araújo. Ela tem um salão de beleza há mais de cinco anos na Zona Sul de Natal. A pedidos das freguesas, a dona do negócio têm investido na comercialização de roupas femininas e produtos de sex shop.

Nos quatro dias do evento, Dayse Araújo arrecadou quase R$ 2 mil. Valor que a empreendedora já estimava e que segundo ela atendeu as expectativas. Com o dinheiro em caixa, ela vai comprar novos produtos, diversificando o mostruário. “A gente não pode perder tempo. Temos que aproveitar esses espaços para aumentar o nosso faturamento e divulgar o que temos para oferecer”, aconselha.

 

Fonte: Agência Sebrae RN


0 Comentário

Avenida Natal, 6600 - Rodovia Br 101 - Taborda | São José de Mipibú/RN CEP | 59.162-000 | Caixa Postal: 50
2010 ® Portal Mercado Aberto. Todos os direitos reservados.
ponto criativo