Sesi RN - Escola

Tudo sobre economia, finanças, negócios e investimentos

01/08/2012 09h16

Feira do Empreendedor do RN começa nesta quarta-feira

Com investimentos de R$ 1,7 milhão, o Sebrae no Rio Grande do Norte inicia a Feira do Empreendedor 2012 nesta quarta-feira (1º), no Centro de Convenções, das 14h às 22h.


notícias relacionadas

O vento das oportunidades vai soprar no Rio Grande do Norte a partir desta quarta-feira (1º) para quem planeja abrir um negócio, desenvolver uma ideia ou renovar um empreendimento com o início da Feira do Empreendedor 2012. O evento abrirá a programação ao público às 14h, funcionando até as 22h, no Centro de Convenções de Natal.

Uma superestrutura foi montada no local para oferecer atendimento, orientação empresarial, informações, capacitações e modelos de negócios, que vão inspirar os empreendedores potiguares.

"Queremos oferecer um leque de oportunidades para aqueles que possuem uma ideia incipiente de montar um negócio, quem já está com a ideia amadurecida e também os empresários que planejam expandir. Esperamos que, após a visita, todos saiam bem sedimentados", disse o diretor superintendente do Sebrae no Rio Grande do Norte, José Ferreira de Melo Neto.

A Feira do Empreendedor do Rio Grande do Norte vai ocupar uma área de 4,4 mil metros quadrados do Centro de Convenções para apresentar aos visitantes sugestões de negócios baseadas na dinâmica dos investimentos em curso no estado, em tendências locais e nacionais de empreendedorismo e no mapeamento das demandas de negócios feito em todos os bairros de Natal e cidades circunvizinhas, sobretudo na Região Metropolitana. "Estamos concebendo com muito cuidado para tornar a feira o maior evento de empreendedorismo e negócios já realizado no Rio Grande do Norte, com perspectivas de muito sucesso", enfatiza o superintendente da Instituição.

Tendências
Embora aberta à visitação desde às 14h, a abertura oficial do evento está marcada para a 19h, mas uma das conferências principais ocorre antes, às 16h, no auditório Lavoisier Maia. O consultor e ex-diretor técnico do Sebrae Nacional, Luiz Carlos Barboza, ministra palestra sobre as tendências e oportunidades de negócios, destacando os fatores que atualmente contribuem para o sucesso de uma empresa, assim como o cenário econômico nacional e internacional.

A estrutura foi pensada a partir da vocação e do perfil socioeconômico do Estado, considerando as atuais demandas por bairros, o público alvo, os setores da economia em evidência e as tendências de negócios. O Sebrae no Rio Grande do Norte realizou um levantamento das oportunidades de negócios em bairros da capital potiguar e em alguns municípios da região metropolitana para identificar as demandas de empreendimentos por localidade.

O resultado desse estudo gerou 108 perfis de negócios, que serão disponibilizados em terminais interativos no Espaço Tendências e Oportunidades. O visitante poderá cruzar informações sobre os negócios que são mais promissores ou os mais compatíveis para o bairro onde pretende investir e enviar o material pesquisado por e-mail.

Com expectativa de atrair um público estimado em 10 mil pessoas, o evento conta com o patrocínio do Banco do Brasil, Correios, Banco do Nordeste, Caixa, Sistema Fiern, Sistema Fecomércio, Senac e Governo do Estado e Governo Federal. O Sebrae e esses parceiros realizaram um investimento de R$ 1,7 milhão na Feira do Empreendedor, cujos pilares estão focados no programa Sebrae 2014, visando as oportunidades do Mundial de Futebol, e o comportamento empreendedor, levando em conta a questão socioambiental.

Espaços
Os salões, que apresentam propostas de negócios viáveis, foram concebidos a partir das oportunidades da Copa de 2014. A Feira terá doze espaços (Salão de Franquias, Salão do Agonegócio, Salão da Construção Civil, Salão do Comércio e Serviço, Salão do Turismo, Salão de TI, Salão da Produção Associada ao Turismo, Salão de Responsabilidade Social, Salão de Têxtil e Confecção, Salão da Sustentabilidade, Salão das Incubadoras e Salão Parceiros), que vão estimular a criatividade de quem sonha em ter uma empresa própria ou renovar aquela que já está instalada.

"A Feira do Empreendedor vem incentivar esse espírito empreendedor aguçado do potiguar, em sintonia com a dinâmica da economia do Rio Grande do Norte e do país", confirma o gerente da Unidade de Acesso a Mercado do Sebrae-RN e coordenador geral do evento, Eduardo Viana.

Estão previstas mais de 200 palestras na grade da programação oficial, com destaque para o Espaço Sebrae/UnP, que disponibilizará 11 palestras sobre empreendedorismo para um público de 800 pessoas. Já o Cine Empreendedor terá uma mostra de 12 filmes com o mesmo enfoque, abordando diversas áreas. A maratona de capacitações ocupará 15 salas simultaneamente.

Capacitação
Os diretores Técnico, João Hélio Cavalcanti, e de Operações, Lázaro Mangabeira, também prestigiaram a coletiva e destacaram a importância do evento para o fortalecimento do empreendedorismo no estado, principalmente entre os Empreendedores Individuais formalizados nos últimos doze meses. "Queremos dar a esse público condições de tornar seu negócio sustentável. Por isso, estamos oferecendo os módulos das Oficinas SEI e realizando uma Oficina Sebrae de Empreendedorismo dentro da Feira, que deve capacitar mais de 400 participantes", ressalta Lázaro Mangabeira.

A sustentabilidade deve ser a marca da Feira, que é realizada com compensação de carbono, denominado evento neutro. Além disso, terá um Ecoponto para recolhimento de lixo eletrônico, como pilhas, baterias e equipamentos de informática sem utilidade. Um modelo de hotel sustentável com 25 leitos, que utiliza princípios de conforto ambiental, eficiência energética, aproveitamento das águas servidas e uso de energias renováveis como uma opção de negócio viável.

"A sustentabilidade é uma tendência irreversível para o sucesso dos negócios, por isso, aparece em destaque na Feira do Empreendedor. Apresentamos também pela primeira vez a relação entre o capital e o trabalho com o empreendedorismo jovem", aponta João Hélio Cavalcanti, referindo-se ao Salão de Responsabilidade Social. O espaço mostra o trabalho desenvolvido pelo projeto homônimo com jovens potiguares.

Rodadas agendadas
A partir do segundo dia do evento, serão realizadas rodadas de negócios. A primeira será a Rodada de Serviços de Crédito, que ocorrerá nos dias 2 e 3 de agosto. A proposta da rodada é facilitar a escolha das linhas de crédito disponíveis para cada situação e perfil de empreendedor. Serão seis instituições Financeiras: Bancos do Brasil, do Nordeste, Caixa, Bradesco, Agência de Fomento do Rio Grande do Norte (AGN) e a cooperativa de crédito de empresários Unicred/Credcom. Até agora, já existem 94 empresas inscritas para participar da rodada. Serão agendadas 108 reuniões por dia, sempre das 15h às 21h, totalizando 216 agendamentos.

No último dia, acontece a Rodada de Negócios do Território Mato Grande, das 15h às 21h, e visa aproximar empresas, associações e cooperativas atendidas pelo Território da Cidadania Mato Grande de compradores locais. Serão ofertados produtos, como frutas tropicais, peixe, hortaliças agroecológicas, doces e geléia de frutas em caldas. Serão 13 empresas âncoras (compradoras) e 18 ofertantes, somando 87 reuniões já agendadas.

 

Fonte: Agência Sebrae RN


0 Comentário

Avenida Natal, 6600 - Rodovia Br 101 - Taborda | São José de Mipibú/RN CEP | 59.162-000 | Caixa Postal: 50
2010 ® Portal Mercado Aberto. Todos os direitos reservados.
ponto criativo