Sesi RN - Escola

Tudo sobre economia, finanças, negócios e investimentos

19/10/2011 15h18 - Atualizado em 20/10/2011 12h13

AGN empossa novos conselheiros e presta contas da atividade de 2011

Ainda com reflexos de ocorrências passadas, a instituição vai fechar o semestre com prejuízo contábil.

notícias relacionadas

O Conselho de Administração da Agência de Fomento do Rio Grande do Norte se reuniu na manhã desta quarta-feira (19), na Central do Investidor. Entre os assuntos da pauta, destaque para a posse dos novos membros efetivos e a apreciação do balanço referente ao primeiro semestre de 2011.

Na oportunidade, tomaram posse: o secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Benito Gama, como presidente do Conselho; e os membros Francisco Obery Júnior e Maria de Fátima Fernandes. Os três novos membros são representantes do Governo do Estado no CA.

Sobre o balanço do primeiro semestre, o diretor administrativo-financeiro da Agência de Fomento do Rio Grande do Norte, Fernando Varela explicou que a instituição ainda com reflexos de ocorrências passadas vai fechar o semestre com prejuízo contábil devido a provisões do Fundo de Desenvolvimento Comercial e Industrial do Rio Grande do Norte (FDCI).

Segundo ele, esse prejuízo contábil é decorrente de duas decisões independentes da administração da AGN RN: a concessão de exclusividade de operar com Banco do Brasil empréstimo de consignado e a decisão do Banco Central de determinar a retirada do capital da AGN desse fundo. O diretor revelou que a perda de receita do FDCI em 2010 foi de R$ 1,7 milhões.

"É importante deixar bem claro, que, a Agência de Fomento do RN, nunca esteve tão bem financeiramente. Nós temos um índice de liquidez de 1,8, o que é muito bom. Além disso, ouvimos da gerente da área de risco do BNDES, Rosangela Dávila, que a Agência tem um rating muito bom para a captação de recursos", disse.

O presidente da AGN RN, João Augusto da Cunha Melo, afirmou já ter disponível para aumento de capital da Agência, um aporte R$ 3,5 milhões feito pelo Governo do Estado, podendo essa quantia ultrapassar R$ 4 milhões em dezembro deste ano. Atualmente, o capital da AGN RN é de R$ 25 milhões.

Durante a reunião, o presidente da AGN RN fez questão de ressaltar os projetos que vêm sendo tocados pela Agência como, o Mao Amiga, viabilizado em parceria com o Governo do Estado. João Augusto também falou das tentativas de negociações de parcerias com o Banco do Brasil e o BNDES, a exemplo do que a Agência já tem com o Banco do Nordeste do Brasil (BNB) e o Sebrae.


0 Comentário

Avenida Natal, 6600 - Rodovia Br 101 - Taborda | São José de Mipibú/RN CEP | 59.162-000 | Caixa Postal: 50
2010 ® Portal Mercado Aberto. Todos os direitos reservados.
ponto criativo