Sesi RN - Escola

Tudo sobre economia, finanças, negócios e investimentos

02/05/2011 09h18

Equipotel Nordeste deve gerar R$ 780 milhões em negócios

Versão regionalizada da maior feira de hotelaria e gastronomia da América Latina aporta em Pernambuco, entre 25 e 27 de maio, e deve receber mais de 12 mil visitantes.

notícias relacionadas

A pouco menos de um mês de realizar no Recife a versão regionalizada da maior feira dos setores de hotelaria e gastronomia da América Latina que ocorre há quase 50 anos em âmbito nacional, o Grupo Equipotel está bastante otimista com a Equipotel Nordeste. A expectativa é que o evento gere no ciclo de 12 meses cerca de R$ 780 milhões em negócios.

Para a feira, que demandou investimentos na ordem R$ 5 milhões e contará com mais de 130 expositores líderes de 60 segmentos da economia nacional que fornecem materiais para os segmentos de hospitalidade e food service, são esperados mais de 12 mil visitantes, que vão circular pelos 11 mil m² do pavilhão Sul do Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda (PE), durante os dias três dias de feira: 25, 26 e 27 de maio.

Serão expositores das áreas de alimentos e bebidas; amenities; artesanato; quadros e gravuras; colchões; cama, mesa e banho; tecidos para decoração; cortinas; decoração; cursos técnicos de capacitação; fechaduras eletrônicas; fitness; iluminação; máquinas para café; móveis de linha e marcenaria; mobiliário para exterior; produtos para higiene; equipamentos leves e pesados para copa, cozinha industrial e lavanderia; utensílios; louças e porcelanas; informática; telefonia e telecomunicações; eletroeletrônicos; uniformes; segurança; sistemas de sonorização; veículos elétricos e carrinhos de transportes; e recreação e lazer.

"Ficamos felizes em atingir os empresários do Norte/Nordeste. Esse projeto já existe há bastante tempo. A decisão de agendar sua realização para este momento tem a ver com a consolidação de Pernambuco como pólo de novos e grandes investimentos, além da sua proximidade com os outros estados da Região", destaca a diretora-superintendente do Grupo Equipotel, Kátia Castro.

Segundo dados da companhia, no Norte e Nordeste do Brasil existem aproximadamente 9,5 mil meios de hospedagem, com patrimônio instalado de aproximadamente R$ 14 bilhões. O potencial anual de consumo em hotelaria nas duas regiões chega a R$ 2,6 bilhões.

O levantamento da Secretaria de Turismo do Estado de Pernambuco (Setur-PE), que aponta a existência de projetos para a construção de 13 novos hotéis nos próximos dois anos em Pernambuco, confirma o crescimento que a região atingirá até 2014.

Junto à capacitação dos profissionais das áreas de hotelaria e gastronomia, o evento apresentará o que há de mais novo em serviços, produtos e equipamentos para os setores. "No Nordeste há uma grande vocação turística, em que o turismo cultural é muito forte. Mas é preciso modernizar o setor local. Os hotéis precisam se preparar para receber um público diferente, mais exigente, que virá à região para participar da Copa de 2014", afirma o diretor comercial do evento, Marcelo Vital Brazil.

O executivo conta que quase 90% dos expositores são das regiões Sudeste e Nordeste, sendo 60,5% da Sudeste e 29% da Nordeste. Enquanto, o Sul do País representa 8,5% e o Norte e o Centro-Oeste, 2%. "Esse índice registrado no Norte/Centro-Oeste se dá em função das características e composição do parque industrial destas regiões", explica Brazil. Já em relação ao público visitante a expectativa, com a vinda da feira para Pernambuco, é que cresça o número de empresários do Norte e Nordeste. "Uma média de 6% dos participantes da feira em São Paulo eram do Nordeste. Muitos não podiam ir por causa da distância e do tempo que ficariam longe do seu negócio. Com a realização do evento no Recife, esperamos mais de 10 mil visitantes nordestinos", conta o diretor comercial da feira.

 


0 Comentário

Avenida Natal, 6600 - Rodovia Br 101 - Taborda | São José de Mipibú/RN CEP | 59.162-000 | Caixa Postal: 50
2010 ® Portal Mercado Aberto. Todos os direitos reservados.
ponto criativo