Seturn - 17/01/22

Tudo sobre economia, finanças, negócios e investimentos

18/01/2012 12h31 - Atualizado em 18/01/2012 13h30

Setor turístico de olho em grandes eventos

Atualmente, o turismo de eventos representa apenas 10% dos negócios do setor local.

Por: Annapaula Freire

notícias relacionadas

A nova diretoria do Natal Convention & Visitors Bureau (Natal CVB) tomou posse nesta quarta-feira (18) com um novo foco: o turismo de eventos.  Representante de 17 segmentos da cadeia produtiva do turismo, o Natal CVB é uma fundação que tem como missão desenvolver esse setor rentável da economia local, o turismo, através da captação de eventos. Eleita para o biênio 2012-2013, a nova diretoria foi empossada em evento realizado no Pestana Natal Beach Resort.

Dando continuidade às atividades, o diretor executivo reeleito, George Costa, garante passos maiores para o Natal CVB. A expectativa da fundação é trazer para Natal mais de 100 eventos nos próximos dois anos. De acordo com George, 40% da indústria de turismo – isto é, leitos, restaurantes, espaços e ônibus – ficam ociosos durante o ano. O turismo de eventos é um dos focos do Natal CVB, pois os gastos dos turistas desse segmento é três vezes maior do que os dos turistas de lazer.

Atualmente, o turismo de eventos representa apenas 10% dos negócios do setor. “Até o final de 2013, pretendemos que 20% do turismo total sejam de eventos, o que equivale a quase metade da receita total gerada pelo turismo”, disse. E Natal já é um destino pronto para receber esse número de viagens, pela boa estrutura turística aqui fixada.

Para alcançar esse objetivo, o diretor executivo afirma que a fundação investirá em capacitação e em um relacionamento com as Universidades. Os centros acadêmicos apresentam grande potencial para a realização de eventos nacionais e internacionais.

Ainda no foco do Natal CVB está ampliar o relacionamento com os mantenedores. De acordo com George, a fundação irá procurar novos segmentos envolvidos com turismo para expandir suas ações.

Também reconduzido ao cargo, o presidente do conselho curador, Fernando Bezerril, salienta que o Brasil vive um momento de grandes eventos e que é preciso planejamento adequado para atrair essas realizações à Natal. “O planejamento estratégico se resume a mapear todas as possibilidades de grandes eventos. Esses “megaeventos” são planejados com dois anos de antecedência. O colegiado deverá tomar decisões prévias para captar esses eventos”, explicou. 

Para Bezerril, os grandes eventos vão além da Copa de 2014. A Copa será, de fato, uma realização grandiosa com diversas possibilidades de lucro, porém o setor deve mirar também em outros acontecimentos próximos. O aeroporto internacional de São Gonçalo é outra oportunidade de ganho.

Uma boa alternativa para o setor local é focar no “turismo de incentivo”. Segundo o presidente, esse tipo de passeio consiste em viagens planejadas por empresas. O turista desse segmento é uma espécie de funcionário do mês que ganhou como bônus uma viagem de sua firma. Cuba, por exemplo, recebe em sua baixa estação diversas excursões desse tipo. O objetivo de Bezerril é trazer esses viajantes para Natal.

Poder público apoia foco em turismo de eventos
Presentes na solenidade de posse, os secretários estadual e municipal de turismo, Ramzi Elali e Tertuliano Pinheiro, defenderam o turismo de eventos como a solução para o setor local. Tertuliano afirmou que o número de viajantes estrangeiros diminuiu e que, além do doméstico, o turismo de eventos é uma saída válida para o segmento. Ramzi convocou os empresários do setor a auxiliarem, como mantenedores, a fundação.


0 Comentário

Avenida Natal, 6600 - Rodovia Br 101 - Taborda | São José de Mipibú/RN CEP | 59.162-000 | Caixa Postal: 50
2010 ® Portal Mercado Aberto. Todos os direitos reservados.
ponto criativo