Sesi RN - Escola

Tudo sobre economia, finanças, negócios e investimentos

22/09/2011 11h36 - Atualizado em 22/09/2011 15h14

Sinduscon/RN divulga balanço dos indicadores da construção civil

O sindicato divulgou hoje um informativo que será veiculado mensalmente, com dados e valores para que o cliente programe os custos de sua obra.

Por: Mara Rochele

notícias relacionadas

O Sindicato da Indústria da Construção Civil do Rio Grande do Norte (Sinduscon/RN) promoveu um café-da-manhã nesta terça-feira (22), na sede da empresa, para detalhar os indicadores do setor da construção civil este ano.

"Desde que fui empossado presidente do Sinduscon/RN, tive como meta divulgar mensalmente um informativo com a prestação de contas do sindicato", disse o presidente do Sinduscon/RN, Arnaldo Gaspar Júnior.

Entres os dados divulgados, está o Custo Unitário Básico (CUB), Evolução do Emprego na Construção Civil e Mercado Imobiliário (Evolução do Mercado Imobiliário, Número de Habite-se, Número de Alvarás de Construção e Geração de Impostos das Novas Construções -IPTU).

"Além de prestar contas a sociedade, vamos facilitar o trabalho dos editores de economia e economistas que periodicamente precisam desses dados para complementar seu trabalho", disse Gaspar.

A tabela de preços do Sinduscon/RN, referente ao mês de agosto de 2011, inclui o preço unitário por metro quadrado de itens como: estrutura de concreto, alvenaria, pintura, aço, esquadria de alumínio, estrutura de madeira, mão-de-obra entre a descrição de outros 40 serviços.

"Essa tabela é uma forma de referenciar o custo da obra, ou seja, antes de começar a obra, o cliente pode fazer uma projeção dos gastos ao longo do serviço, de acordo com os valores descritos na tabela do Sinduscon/RN", explica.

Os dados da construção civil foram compilados para servir de referência para qualquer pessoa que deseja iniciar alguma obra. De acordo com dados do Sinduscon/RN, com o CUB para construir um "projeto-padrão residencial normal" da categoria "R-8", o cliente gasta em torno de R$ 813,48, esse valor inclui mão-de-obra (323,68), material (R$ 452,56), despesas administrativas (31,35) e equipamentos (5,88).

O "projeto-padrão R8 - Normal" é um imóvel composto por três dormitórios, sendo um suíte, sala de estar/jantar, banheiro social, cozinha e área de serviço com banheiro e varanda, além de levar em conta outros itens da estrutura em que a residência está localizada, como garagem. Segundo presidente do Sinduscon/RN, "tendo esses dados em mãos e uma referência do custo da obra, o consumidor tem menos probabilidade de ser enganado, além de se programar financeiramente para toda a obra devido aos custos estimados".

Quanto à evolução do emprego na área de construção civil, foram gerados 39.528 novos postos de trabalho este ano no Rio Grande do Norte. O número de empregos fechou o mês de agosto com saldo negativo (-58). Já o total de empregos acumulados ao longo deste ano na construção civil do RN, atingiu um índice de + 1.020.

De acordo com o balanço de dados apresentados na manhã de hoje, durante entrevista coletiva, em agosto de 2011 foram emitidos 28 alvarás de construção. No acumulado do ano, esse número chega a 171.

O número de Habite-se (documento que atesta que o imóvel foi construído seguindo-se as exigências - legislação local - estabelecidas pela prefeitura para a aprovação de projetos), emitidos em agosto de 2011 chegou 47. Já o acumulado do ano, atingiu 272.

O número de novas unidades registradas para IPTU, em agosto/2011 atingiu 674, o que corresponde ao valor de R$ 102.924,95. A área construída por novas unidades registradas para IPTU foi de 42.817,43 m2, segundo dados da Secretaria Municipal de Tributação (Semut).

Copa de 2014
Segundo presidente do Sinduscon/RN, Arnaldo Gaspar Júnior, a Copa de 2014 pode aquecer ainda mais o setor da construção civil, devido as obras de mobilidade urbana como, aeroporto, estádio, entre outros projetos. Ainda segundo estimativa dele, cerca de R$ 2,5 bilhões serão injetados na economia de Natal, consolidada como cidade-sede do mundial da Fifa. "Natal já é detentora de 30% a 40% do PIB - Produto Interno Bruto - do Rio Grande do Norte, com o advento da copa esse potencial pode ser duplicado".


0 Comentário

Avenida Natal, 6600 - Rodovia Br 101 - Taborda | São José de Mipibú/RN CEP | 59.162-000 | Caixa Postal: 50
2010 ® Portal Mercado Aberto. Todos os direitos reservados.
ponto criativo