Natal Card - Gif Agosto

Tudo sobre economia, finanças, negócios e investimentos

07/01/2016 10h10 - Atualizado em 07/01/2016 10h18

Polícia Rodoviária Federal adere à documentação digital e poupa R$ 5 mi por ano

A ferramenta começou a ser utilizada em todas as 21 Superintendências Regionais, cinco Distritos Regionais, 150 Delegacias e 400 Postos de Fiscalização espalhados pelo Brasil

notícias relacionadas

A economia da Polícia Rodoviária Federal (PRF), com a utilização do Sistema Eletrônico de Informações (SEI) na tramitação eletrônica de documentos e processos, vai chegar a R$ 5 milhões por ano. A ferramenta de Tecnologia da Informação (TI), oferecida gratuitamente pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MP), começou a ser utilizada, nesta segunda-feira (4), em todas as 21 Superintendências Regionais, cinco Distritos Regionais, 150 Delegacias e 400 Postos de Fiscalização da PRF espalhados pelo Brasil.

“A utilização do SEI é muito importante para agilizarmos os processos, pois temos em torno de 600 pontos de atendimento ao cidadão e, às vezes, um documento demorava semanas para ir de um ponto para o outro no Brasil. Agora isso será instantâneo”, explica José Luis Pinheiro Gomes, gerente do Projeto Processo Eletrônico no âmbito da PRF.

Segundo o policial rodoviário federal, a utilização do sistema também é importante para mapear os fluxos e padronizar os procedimentos dos 11 mil servidores do órgão cadastrados no sistema.

Para o secretário de Tecnologia da Informação do Ministério do Planejamento, Cristiano Heckert, o uso da ferramenta muda a rotina de trabalho dos servidores públicos. “O SEI elimina o uso do papel. Agora os processos e documentos podem ser assinados por tablets e celulares, é uma verdadeira revolução na gestão pública."

A Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) também implantaram o sistema. Com essa última adesão, o número de órgãos que utiliza efetivamente o sistema na Administração Pública Federal (APF) subiu para 21.

De acordo com o Decreto nº 8.539, todos os órgãos devem enviar o cronograma de implementação do uso do meio eletrônico para a realização do processo administrativo à Secretaria de Tecnologia da Informação (STI) até abril deste ano.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério do Planejamento

 


0 Comentário

Av. Senador Salgado Filho, 2190 - Ed. Portugal Center - 207/209 - Fone: (84) 3206-9578
2010 ® Portal Mercado Aberto. Todos os direitos reservados.
ponto criativo