Sesi RN - Escola

Tudo sobre economia, finanças, negócios e investimentos

15/03/2012 20h10

PAC 2 prevê investimentos de R$ 38 bilhões no RN

Grande parte dos recursos será aplicada até a realização da Copa de 2014

Por: Marcelo Lima

notícias relacionadas

O Programa de Aceleração do Crescimento do governo Federal pretende investir no Rio Grande do Norte R$ 38 bilhões. Boa parte desses recursos será aplicada até o ano da copa mundo. Serão R$ 20,85 bilhões.

O direcionamento do governo Federal é claro quanto ao investimento na geração de energia. Do total de recursos, R$ 30,8 bilhões serão empregados em energia, 79% do PAC 2 para o RN. As fontes renováveis tem destaque. Para a energia eólica serão destinados R$ 8,49 bilhões.

O PAC 2 também prevê a instalação de 18 parques eólicos no Rio Grande do Norte. Na quantidade de parques, o Estado ficou empatado com a Bahia, onde o governo Federal tem a previsão de liberar a instalação do mesmo número de parques. Os dois estão no topo do ranking de investimentos em eólica constantes no programa.

Para a geração de energia a partir de biomassa serão mais R$ 25 milhões. No Estado, apenas a usina Bio Formosa utiliza esse tipo de fonte para produzi energia. Também haverá investimento de R$ 800 milhões em termelétricas. O setor de petróleo e gás vai abocanhar parte significativa dos investimentos, R$ 20,2 bilhões.

Vale lembrar que do total de recursos, R$ 34,8 bilhões serão exclusivamente para o Rio Grande do Norte. O resto do dinheiro será investido em projetos que envolvem estados vizinhos, além do RN.

Outras obras do PAC 2

No que diz respeito à infraestrutura de abastecimento de água, apenas a barragem de Oiticica consta no PAC 2. No PAC 1, o governo federal entrou com recursos para os sistemas de abastecimento Alto Oeste, Seridó e o de Serra de Santana. O único projeto de irrigação previsto para o Estado é o de Santa Cruz do Apodi, segunda etapa.

Na infraestrutura viária, está prevista somente a pavimentação e adequadação da BR-110, que liga Mossoró às cidades da Paraíba.

Quando o assunto é transporte ferroviário, o governo Federal não prevê projeto algum para o RN. Na infraestrutura aeroportuária, apenas a pista e o pátio do Aeroporto de São Gonçalo do Amarante, que na verdade fazem parte do PAC 1.

Para a infraestrutura portuária estão presentes os projetos de “repotencialização, ampliação e dragagem” para o porto de Areia Branca. Para o Porto de Natal estão previstos, pelo PAC 2, o Terminal de Passageiros e a ampliação do cais. 

Fonte: Com informações de Aldemir Freire


0 Comentário

Avenida Natal, 6600 - Rodovia Br 101 - Taborda | São José de Mipibú/RN CEP | 59.162-000 | Caixa Postal: 50
2010 ® Portal Mercado Aberto. Todos os direitos reservados.
ponto criativo