Mais RN - 01/08/2022

Tudo sobre economia, finanças, negócios e investimentos

28/12/2011 19h13 - Atualizado em 28/12/2011 19h19

Formação em gestão: primeiro passo para um negócio lucrativo

Existe uma gama de opções para quem procura educação específica para criar ou expandir uma empresa, do ensino superior aos cursos rápidos.

Por: Annapaula Freire

notícias relacionadas

É preciso mais que um cenário paradisíaco para criar uma empresa de sucesso. Talento e habilidade também. Apesar de gozar de uma boa localização (Ponta Negra, sol e mar), os proprietários do Araçá Praia Flat somaram elementos bem mais teóricos para transformar o hotel em um empreendimento lucrativo. O Araçá já tinha quatro anos no mercado, quando um de seus proprietários sentiu a necessidade de evoluir. Foi preciso desenvolver as qualidades em cursos de capacitação específicos em gestão de empresas.

Com formação em fisioterapia, Silvio Sales Neto procurou cursos que o auxiliassem na gestão de seu negócio. Ao longo de dois anos e meio, Silvio capacitou-se e aperfeiçoou os conhecimentos em administração através de soluções educacionais oferecidas pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Rio grande do Norte (Sebrae-RN).

“A empresa já estava estabelecida, mas precisávamos avançar e tínhamos que conseguir novas formas de conseguir esse objetivo”, detalhou. O Araçá surgiu sem nenhum plano de negócios e é uma empresa familiar. Escolhido entre os familiares para a função de frequentar os cursos, Silvio participou do programa Sebrae Mais para médias empresas, onde realizou as seguintes formações: “Estratégias Empresariais”; “Gestão Financeira”; “Roteiros para Implantação de Ambientes Inovativos”;  e “Gestão da Inovação”. 

Deste último curso, Silvio aplicou os conhecimentos aprendidos em sala de aula na prática. Com a estratégia de trazer a empresa para as redes sociais, aproximou o público do flat e assim conquistou novos mercados. 

O programa Turismo Melhor também foi um dos processos pelo qual o empreendedor foi guiado no Sebrae. Após uma série de adaptações e procedimentos de melhoria nos serviços, o Turismo Melhor é uma certificação de que o hotel está apto para receber clientes.

Mesmo com o sucesso, Silvio sabe que é preciso sempre estar se reciclando. “Conseguimos perceber nossa posição no mercado, nossos pontos fracos e qualidades; além de conseguirmos a formalização de nossos processos”, disse sobre a procura pela capacitação e treinamento. A nova formação empolgou tanto que o intuito de Silvio é expandir cada vez mais. O empresário trabalha na criação de uma nova empresa e já pensa em uma expansão do Araçá. 

Educação empreendedora

Existe uma gama de opções para quem procura educação específica para criar ou expandir uma empresa, do ensino superior aos cursos rápidos. Segundo o gerente da Unidade de Educação e Empreendedorismo do Sebrae-RN, Antônio Carlos Teixeira Liberato, a capacitação pode vir de uma pós-graduação e de um mestrado em administração de empresas (MBA) o de cursos de pouca duração, como os do Sebrae. Não importa o meio, a dica é se qualificar e buscar informação.

O Sebrae-RN oferece cursos em blocos sequenciados e segmentados, seguidos de orientações personalizadas. O participante escolhe a opção que mais o interesse entre as áreas de Mercado, Finanças, Recursos Humanos. E as opções de formato são variadas, há ainda palestras e oficinas, participação poderá ser presencialmente, ou pela internet. Já não é mais viável alegar falta de tempo.

“As pesquisas, em termos de Brasil, demonstram que eles (os participantes dos cursos) passam a ter novas ideias, a liderar equipes e a ter um melhor conhecimento em finanças. Depois dos cursos eles procuram se aprimorar cada vez mais”, relatou Antônio Carlos sobre os resultados das capacitações. Para o gerente, o aumento da renda fez com que os cursos de gestão tenham maior procura. 

“Ainda existe resistência dos empreendedores em se qualificar. É uma questão de cultura e consequência de uma escolaridade baixa. Para abrir uma empresa há a necessidade de planejamento e de se aprofundar nos conhecimentos de administração”, relata. 

Entre as oportunidades de formação empreendedora e de gestão, os cursos online são uma solução para os mais ocupados. Com duração entre 15 a 50 horas, os cursos são desenvolvidos via internet, porém tem o acompanhamento de um tutor especializado.

De duração mais prolongada, o Empretec é um dos cursos mais completos da instituição. O participante sai com uma visão geral sobre empreendedorismo. Porém, a capacitação mais aprofundada tem um preço: o empreendedor mergulha num curso de imersão intensiva por sete dias. Nesse mundo de concorrência cruel, o empresário deve utilizar de todas as armas para crescer. A capacitação é o primeiro passo até o topo.

 


0 Comentário

Avenida Natal, 6600 - Rodovia Br 101 - Taborda | São José de Mipibú/RN CEP | 59.162-000 | Caixa Postal: 50
2010 ® Portal Mercado Aberto. Todos os direitos reservados.
ponto criativo