Tudo sobre economia, finanças, negócios e investimentos

17/12/2018 08h30

Artigo do presidente do Sistema FIERN, Amaro Sales: “FIERN 65 anos”

Confira o artido de Amaro Sales de Araújo, industrial, Presidente da FIERN e do COMPEM/CNI.

Amaro Sales de Araújo, industrial, Presidente da FIERN e do COMPEM/CNI.

A história oficial da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte começa no dia 27 de fevereiro de 1953, com a reunião formal de cinco Sindicatos patronais: Sindicato das Indústrias do Vestuário do Estado do Rio Grande do Norte; Sindicato da Indústria da Panificação e Confeitaria de Natal; Sindicato da Indústria da Extração do Sal no Estado do Rio Grande do Norte; Sindicato das Indústrias da Construção e do Mobiliário do Estado do Rio Grande do Norte; Sindicato das Indústrias da Mecânica e da Reparação de Veículos e Acessórios no Estado do Rio Grande do Norte. No ato da fundação foi eleita uma diretoria provisória, cuja presidência coube a Joaquim Victor de Holanda. Naquele mesmo ano de 1953, no dia 14 de dezembro, foi expedida em favor da FIERN a Carta Sindical.

Em toda a sua trajetória, considerada a relevante participação de seus dirigentes e colaboradores, conhecidos e anônimos, a FIERN se tornou uma instituição presente e importante na vida do Rio Grande do Norte, especialmente, a partir da dedicação de seus presidentes, um dos quais - engenheiro Fernando Bezerra - chegou, inclusive, a presidência da Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Hoje, como Sistema FIERN, quatro grandes instituições se somam a favor do desenvolvimento industrial potiguar: a própria FIERN e ainda SESI, SENAI e IEL. Somos parte do Sistema Indústria nacional liderado pela CNI - Confederação Nacional da Indústria. Fundamentalmente estamos a serviço do fortalecimento do empreendedorismo industrial, sua ampliação, competitividade e sustentabilidade.

A indústria forte gera empregos e revigora a economia. Atualmente somos, aproximadamente, 7.945 empresas industriais que geram, pelo menos, 95.265 empregos diretos. É um contingente significativo que, a bem do Rio Grande do Norte, pode ser ampliado. Precisamos, contudo, do empenho e da unidade das forças políticas, sociais e econômicas para que, cada vez mais, o ambiente de negócios no Rio Grande do Norte seja atrativo, seguro e próspero para os empreendedores.

O ambiente adequado potencializará o que já é presente e forte no Rio Grande do Norte: energias renováveis, pesca oceânica, carcinicultura, agronegócio, confecções, indústria de alimentos, turismo, construção civil, dentre outros ramos. O nosso Estado é rico e muitas pessoas são vocacionados para o empreendedorismo. Precisamos unir as potencialidades e empreendedores em um ambiente justo de desenvolvimento de negócios e segurança jurídica.

A FIERN sempre foi protagonista na formulação de propostas e na defesa de medidas para o Rio Grande do Norte superar os desafios que se apresentaram ao longo da história. Ao comemorar 65 anos, reafirma seu compromisso de ajudar o Estado a voltar a crescer de forma sustentável e a criar empregos. Esse desafio só será superado com o aumento da segurança jurídica, a implementação de reformas, e outras ações que melhorem o ambiente de negócios.

Com a credibilidade que dispõe e a capacidade de trabalho dos que a fazem, a FIERN fará cada vez mais pela indústria e pelo Rio Grande do Norte.


0 Comentário

Av. Senador Salgado Filho, 2190 - Ed. Portugal Center - 207/209 - Fone: (84) 3206-9578
2010 ® Portal Mercado Aberto. Todos os direitos reservados.
ponto criativo