Natal Card - Biometria

Tudo sobre economia, finanças, negócios e investimentos

09/03/2018 08h14

Câmara Municipal de Natal aprova projeto que garante a construção do Hospital da Mulher

Aprovado por unanimidade, o projeto 46/2018 do Chefe do Executivo Municipal, concede à Universidade Federal do Rio Grande do Norte um terreno de 16.500m² localizado no Conjunto Santa Catarina.

Natal ganhará um novo hospital especializado no atendimento à mulher. A Câmara Municipal de Natal aprovou, nesta quinta-feira (08), o Projeto de Lei que autoriza a desafetação e a doação de terreno de propriedade do município para a construção do Hospital da Mulher. Aprovado por unanimidade, o projeto 46/2018 do Chefe do Executivo Municipal, concede à Universidade Federal do Rio Grande do Norte um terreno de 16.500m² localizado no Conjunto Santa Catarina, próximo ao Hospital Santa Catarina, zona norte de Natal.

O presidente da Câmara Municipal, vereador Raniere Barbosa (PDT), destacou os benefícios que o novo hospital trará para as mulheres da capital potiguar e seu impacto social. "É um projeto bastante relevante, pois trata do primeiro hospital municipal voltando totalmente à mulher, além de ser uma obra de grande impacto social porque também proporcionará novos empregos para a população de Natal", afirmou o vereador.

O presidente da Câmara Municipal enalteceu a aprovação unânime do projeto no dia Internacional da Mulher. "Torna-se mais que especial, pelo mérito do projeto, aprova-lo no dia Internacional da Mulher. A Câmara Municipal está de parabéns por aprovar neste dia um projeto que beneficiará tantas mulheres norte-rio-grandenses em um dia marcante como o 08 de março".

A vereadora Eleika Bezerra (PSL) também elogiou o mérito da matéria aprovada. "Foi uma feliz coincidência aprovar essa matéria no dia da mulher, um projeto de grande sensibilidade que doará um terreno para construção de um hospital público especializado em atender as mulheres", disse. "Através desse hospital, nós mulheres, vamos ter um tratamento mais digno e especializado, além desafogar as outras maternidades da cidade", concluiu a vereadora Carla Dickson (PROS).

De acordo com Murilo Brito, superintendente da Maternidade Escola Januário Cicco, o novo hospital vai contar com 200 leitos e ofertará mil empregos diretos. "O Hospital da Mulher terá o mesmo perfil da Maternidade Januário Cicco, será uma maternidade que vai atender a população carente e de alto risco". Ainda de acordo com Brito serão disponibilizados serviços de mamografia, cirurgias ginecológicas, reprodução humana, prevenção do câncer, entre outros serviços. ‘Não será apenas uma maternidade, mas sim um grande hospital da mulher. Portanto, é uma grande vitória para a população do nosso estado", finalizou.

 


0 Comentário

Av. Senador Salgado Filho, 2190 - Ed. Portugal Center - 207/209 - Fone: (84) 3206-9578
2010 ® Portal Mercado Aberto. Todos os direitos reservados.
ponto criativo