Natal Card - Gif Agosto

Tudo sobre economia, finanças, negócios e investimentos

20/11/2015 09h05

Em Brasília, Ezequiel confirma aumento de ações de combate à crise hídrica no RN

O governador em exercício apresentou o andamento das obras e ações de enfrentamento da seca no Rio Grande do Norte e pleiteou apoio da presidente Dilma para ações emergenciais

notícias relacionadas

As ações de combate aos efeitos da seca serão ampliadas no RN com apoio do Governo Federal. A boa notícia foi anunciada pelo governador em exercício Ezequiel Ferreira após reunião nesta quinta-feira (19) junto com os governadores do Ceará, Pernambuco, Paraíba e a presidente Dilma Rousseff, no Palácio do Planalto, em Brasília.  

Ao lado do secretário estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Mairton França, Ezequiel apresentou o andamento das obras e ações de enfrentamento da seca no Rio Grande do Norte e pleiteou apoio da presidente Dilma para ações emergenciais, como a perfuração de novos poços e o aumento na quantidade de oferta de água nos carros pipa que abastecem o interior do Estado. "Precisamos de apoio nas ações emergenciais com celeridade. A boa notícia é que vamos ampliar estas ações no RN", destaca o gestor interino.  

No primeiro momento da reunião, um representante do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (IMPE) apresentou um panorama metrológico enfatizando a consolidação do "El Nino" que ratificam as previsões de uma estação de chuvas com volumes pluviométricos abaixo da média. Em seguida, o ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi, apresentou um relatório das ações que já foram executadas nos estados nordestinos. 

Após duas horas de reunião, a presidente Dilma anunciou um pacote de novas ações no planejamento para ser iniciado ainda este ano. As ações contemplam projetos para adutora de montagem rápida; aquisição de dessalinizadores; perfuração de poços de alta vazão; estações de tratamento de água compactas; carros pipa para zonas urbanas e obras de adaptação para captação do Rio São Francisco. Todas as ações têm financiamento previsto no Orçamento Geral da União (OGU). 

Na avaliação do governador em exercício Ezequiel Ferreira, o plano detalhado de respostas (PDR), apresentado pelo Governo do Estado poderá ser incrementado a partir das novas possibilidades anunciadas pela presidente.

O secretário de Recursos Hídricos, Mairton França, reforçou durante a reunião que o RN foi um dos poucos estados que apresentou o PDR no formato exigido pela Secretaria Nacional da Defesa Civil. "O RN detém um aquífero de alta produtividade a partir do qual poderão ser projetadas obras para perfuração de poços profundos (arenito Açu) que servirá nos eventos críticos de seca, como o de hoje, e também terá outras utilidades que beneficiam o abastecimento humano nos municípios do RN", destaca. 

Ezequiel defendeu que o próximo passo seja o agendamento de uma nova reunião - já na próxima semana - com o secretario nacional de Defesa Civil, general Adriano Pereira Junior, para discutir as reformulações do pleito do RN, já que a presidente pediu urgência na apresentação dos novos planos. A chefe do Executivo Nacional disse que o financiamento dessas ações será executado com o orçamento de 2015 e definiu o prazo de 30 de novembro como data para a entrega dos planos e de suas reformulações. 

A presidente Dilma Rousseff reafirmou a intenção em priorizar a continuidade das obras de adutoras e programas que beneficiem a população que sofre com a falta de água no Nordeste. 

O Rio Grande do Norte atualmente tem 16 municípios em colapso total de desabastecimento de água e a previsão é que até o fim do ano mais duas regiões sejam classificadas como em estado crítico por falta de água.

 

Fonte: Governo do RN


0 Comentário

Av. Senador Salgado Filho, 2190 - Ed. Portugal Center - 207/209 - Fone: (84) 3206-9578
2010 ® Portal Mercado Aberto. Todos os direitos reservados.
ponto criativo